Ouvidoria |  Fale conosco |  Mapa do site |  English |  Español  
    » Notícias

FURNAS sedia Simpósio sobre Conservação e Biodiversidade
por Behula Spencer


Aberto pela superintendente de Meio Ambiente Leticia Costa Manna, para um auditório lotado, o Simpósio Conservação de biodiversidade – Desafio e Novas Perspectivas, atraiu além de funcionários da casa, estudantes e pesquisadores.

A apresentação do professor da UFRJ Fernando Fernandes sobre o processo de refaunação do Parque Nacional da Tijuca (RJ) detalhou os processos de reconstrução ecológica de uma floresta urbana e os desafios enfrentados para reintrodução de espécies extintas ou em processo de extinção. Segundo ele, a "Floresta Vazia" (quando a fauna é extinta) leva à destruição da flora. "A maior parte da Mata Atlântica é uma floresta vazia, os frutos apodrecem no chão porque não existem animais para consumí-los e disseminar as sementes", explicou. Jacutingas, jabutis, antas e cutias foram algumas das espécies reintroduzidas na refaunação da Mata Atlântica, explicou Fernandes.

Clarice Cardoso, da Gerência de Gestão do Meio Físico-Biótico (GGB.E) de FURNAS detalhou a evolução da questão ambiental através dos anos no mundo, iniciada na década de 50 e, no Brasil, nos anos 60, até a criação do Ibama, em 89, e a revisão do Código Florestal. "Até a década de 50 a exploração do meio ambiente era desregulada. O meio ambiente entrou em Furnas nos anos 90 com a criação do Departamento de Meio Ambiente. O Ibama foi criado em 1989 e a regulamentação foi evoluindo através dos anos esclareceu" Clarice.

Para a bióloga Ana Elisa de Faria Bacellar, do ICMBio, a relação de causa e efeito é um Norte para o instituto, mas também pode ser usada pelos pesquisadores. "Para fazer a diferença, questionamentos sobre as estratégias adotadas devem ser constantes", afirmou.

Já o biólogo Daniel Santana Raices,  pós Graduado em Ecologia e  Mestre em Ecologia (Biociências Nucleares) pela UERJ, demonstrou como elaborar um plano de Redução de Impactos (PRIM). "O impacto residual, sempre vai ter, mas o objetivo do PRIM é servir de insumo ao planejamento ambiental".  Raices deu como exemplo o aumento de tráfegos em estradas e o impacto das infraestruturas viárias.

 
Ao final das apresentações, os palestrantes abriram para perguntas dos participantes do evento
 

_90A3507.jpg





Publicado em: 04/06/2018


Explore o site Mostrar Ocultar  
A Empresa
» Quem somos
» Sistema Furnas
» Diretoria executiva
» Conselhos de administração e fiscal
» Estatuto social
» Estrutura organizacional
» Código de Ética e de Conduta
» Identidade visual
» Vídeo institucional
» Novos projetos
» Escritórios e contatos

Sustentabilidade
» Sustentabilidade para Furnas
» Política de Sustentabilidade
» Adesões e compromissos
» Furnas e a ISO 26000
» Premiações
» Relatório de Sustentabilidade
» Setor Elétrico - Principais Áreas de Negócios
» Links
» Notícias
» Contato

Meio ambiente
» Políticas
» Água
» Biodiversidade
» Mudanças Climáticas
» Meio Físico
» Relacionamento com a Comunidade
» Patrimônio Sociocultural
» Planos de Gestão Ambiental

Sociedade
» Responsabilidade social
» Atuação Social
» Desenvolvimento Territorial
» Voluntários
» Programa social
» Pacto global
» Cultura
» Patrocínio de eventos
» Patrocínio Esportivo
» Comitê Pró-Equidade de Gênero
» Programas Especiais
» Espaço Furnas Cidadania
» Uso de Bordas de Reservatório
Publicações
» Relatório da administração
» Orientações sobre Linhas de Transmissão
» Relatório de sustentabilidade
» Contas públicas
» Governança TI
» Processos de contas anuais
» Demonstrações contábeis
» Informativo gerencial de mercado e economia
» Publicações Tecnológicas
» Execução contratual de publicidade
» Sistema Eletrobras
» Revista Furnas
» Revista Conexão FURNAS
» Revista Ouro da Casa


Recursos humanos
» Trabalhe conosco
» Convênio de saúde

Comercialização de serviços
» Área de atuação
» Atividades principais
» Inovação e suporte tecnológico
» Cursos

» P&D+I
» Fornecedores
» Acesso restrito
» Sites relacionados
» Ouvidoria
» Fale conosco
» Mapa do site
» English
» Español
Furnas - Empresa Eletrobras
Escritório Central: Rua Real Grandeza, 219 - Botafogo - Rio de Janeiro, RJ - CEP 22281-900 - Tel.: 21 2528-3112
Todos os direitos reservados a Furnas © 2013