Usina de Corumbá - 375 MW

Usina de Corumbá - 375 MW

Situada no rio Corumbá, distante cerca de 30 km da cidade de Caldas Novas (GO), a Usina de Corumbá tem potência instalada de 375 MW, dividida em três unidades geradoras.

As obras desta usina foram iniciadas em 1982, pela Centrais Elétricas de Goiás (Celg), sendo transferidas para FURNAS em 1984. Nesta ocasião, as obras estavam paralisadas e só foram reiniciadas em junho de 1987, quando o nível máximo do reservatório foi limitado à elevação de 595 m.

A Usina de Corumbá faz parte do Programa Decenal de Obras do Setor Elétrico, aprovado pela Presidência da República. Apesar da preocupação da população local, o projeto da usina preserva as surgências termais na região de Caldas Novas, próxima ao aproveitamento. O lago formado pelo reservatório representa uma nova opção de turismo para a região. São 65 km², propiciando a prática de diversos esportes aquáticos.

Devido à sua localização privilegiada, Corumbá adiciona ganhos energéticos ao sistema interligado Sul / Sudeste / Centro-Oeste, sobretudo ao Distrito Federal. Sua integração à rede de transporte de energia é feita através das linhas de transmissão de 345 kV, que saem de sua subestação e chegam à subestação de Samambaia, localizada na Capital Nacional.

A Usina de Corumbá é a primeira usina de FURNAS telecomandada, ou seja, é operada remotamente da Usina de Itumbiara, localizada a 160 km de distância.


Dados técnicosUsina de Corumbá - 375 MW


Barragem

  • Tipo: enrocamento com núcleo
  • Altura máxima: 90 m
  • Volume de concreto: 310 mil m³


Reservatório

  • Nível normal de operação: 595 m
  • Nível de máxima cheia (Nível máximo maximorum): 595,5 m
  • Nível de desapropriação: 596 m
  • Nível mínimo de operação: 570 m
  • Área inundada: 65 km²
  • Volume total: 1,5 km³
  • Volume útil: 1,03 km³


Tomada d'Água 

  • Comportas tipo vagão
  • Quantidade: 3
  • Largura: 5,8 m
  • Altura: 7,6 m
  • Fabricante: BSI


Vertedouro 

  • Descarga Máxima: 6.800 m³/s
  • Comportas tipo segmento
  • Quantidade: 4
  • Largura: 15 m
  • Altura: 17 m
  • Fabricante: BSI


Casa de força

  • Tipo: abrigada
  • Unidades geradoras: 3
  • Rotação: 150 / 316 RPM
  • Potência nominal total: 375 MW


Turbinas

  • Tipo: Francis de eixo vertical
  • Fabricante: Sade Vigesa


Geradores

  • Frequência: 60 Hz
  • Tensão nos terminais: 13,8 Kv
  • Fabricante: ABB
  • Transformadores: 4 (operação mais reserva)
  • Tipo: trifásicos
  • Capacidade total em operação: 417 MVA
  • Relação de transformação: 13,8 / 345 kV
  • Fabricante: ABB