FURNAS testa nova técnica para fundação de torres eólicas

Publicado em:
/ Crédito: Divulgação


O jornal O Popular informa que o Laboratório de Aerodinâmica Aplicada de FURNAS testa uma metodologia inédita no Brasil e que pode contribuir para a implantação de novos parques eólicos. A unidade integra complexo de tecnologia da empresa em Aparecida de Goiânia (GO).

A pesquisa consiste no uso da técnica conhecida como Expanded Bodies na fundação de uma torre de 40 metros de altura que sustentará um aerogerador de 30 kW. A solução é composta por elementos metálicos com capacidade de expansão a partir da injeção de calda de cimento ou argamassa. 

"Esta tecnologia possibilita que a fundação das torres eólicas seja feita de forma mais rápida e simples, sem a necessidade de equipamentos pesados. A técnica permite a execução de estacas com grande agilidade e pode ser aplicada também em obras de contenção de escavações. Outra aplicação, já explorada, é realizada na ancoragem e fundação de torres estaiadas", explica Renato Cabral, gerente de Serviços e Suporte Tecnológico de FURNAS.

O estudo faz parte do projeto de pesquisa & desenvolvimento (P&D) Metodologias e Infraestruturas Tecnológicas para Ampliação da Confiabilidade e Otimização de Empreendimentos de Energia.

Clique aqui e veja a matéria na íntegra.
 

Por: Imprensa